Coisas do Zaca


Histórias regionais de escritor de Gurupi em publicação nacional




Cinthia Abreu
Palmas


Pela 18ª vez consecutiva, o tocantinense Zacarias Martins está presente no Almanaque Santo Antônio, da Editora Vozes, na edição 2011, lançado recentemente no Rio de Janeiro. Publicação campeã de vendas da editora, o Almanaque Santo Antônio é publicado há 34 anos, tendo a coordenação do Frei Edrian Josué Pasini e conta com a colaboração de leitores de todo o Brasil.

Nesta edição, foram publicadas quatro colaborações enviadas por Zacarias Martins. A primeira, aborda a origem do cartão de visitas, que segundo registros históricos teria surgido no século XIX, muito utilizado por senhoras da sociedade vitoriano em suas visitas, para que fossem apresentadas pelos condutores de suas carruagens às pessoas de uma determinada casa.

Outra colaboração trata do surgimento da dentadura e sua função. De acordo com Martins, em 1927, o governo japonês mandou remover parte de um cemitério para a construção de uma nova via pública. “Numa urna cerâmica foi encontrada a primeira dentadura confeccionada no mundo. Ela teria pertencido ao famoso samurai Hidan Nokami Yagiu, e segundo estudiosos, a peça teria cerca de 344 anos. A base da dentadura de Yagiu era confeccionada em madeira “tsuguê”, arvore nativa do Japão, de grande resistência e muito utilizada, ainda hoje, na fabricação de pontes. Os dentes foram feitos de pedra-de-cera, equivalente à nossa pedra-sabão e sua coloração era marrom”, comenta.

O escritor lembra também que na página 198 do Almanaque há um texto com dicas sobre como se aproveitar os alimentos por inteiro e, na página 200, Zacarias Martins emplacou uma receita de bolinhos de talos, folha e cascas, que segundo ele, possui alto poder nutricional.

Variedades

Segundo Martins, o Almanaque Santo Antônio é uma publicação multitemática rica em sabedoria científica e popular. “No Almanaque encontramos o tempo palpitante entre o passado, o presente e o futuro, assumindo, deste modo, um caráter atemporal”, afirma, lembrando ainda que esse tipo de publicação já fez parte da infância e da vida de muita gente, citando como exemplos os almanaques de farmácias, os de conhecimentos gerais e os específicos numa linha científica. “Um dia tomamos um em nossas mãos e sentimo-nos convidados a lê-lo, sem considerar a época em que fora escrito. Os santos continuam ali, de forma atual; contos, passatempo, ecologia, culinária, dicas de saúde, culinária, humor e muitas curiosidades”, destaca.

Leitura
Frei Edrian destaca que a leitura de um livro cria um diálogo interior e, neste caso, gera propostas e conduz o leitor a mudanças internadas. Ele destaca que ler um livro é buscar na experiência de seu autor outras perspectivas, confrontando-as com as suas. “O Almanaque Santo Antônio, com simplicidade, quer propor ao leitor a descoberta do tesouro de conhecimento e sabedoria que está reservado em suas páginas e, a partir das perspectivas de vida e de experiências difundidas na variedade de textos de que é feito, apontar novas maneiras de pensar e agir”, finalizou Frei Edrian.

Serviço


O quê – Almanaque Santo Antônio com colaborações de Zacarias Martins
Páginas - 233
Preço - R$ 12,00
Onde comprar - Editora Vozes (www.editoravozes.com.br)

Publicado no Jornal do Tocantins, de Palmas - Caderno Arte & Vida, em 29.09.2010



Escrito por Zacarias Martins às 15h33
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 
Meu perfil
BRASIL, Norte, GURUPI, Homem, E-mail: zacamartins@gmail.com
Histórico
Outros sites
  UOL - O melhor conteúdo
  BOL - E-mail grátis
  ANA MÁRCIA
  JOÃO GOMES
Votação
  Dê uma nota para meu blog